Depois da conquista do pentacampeonato invicto nas Bahamas (2017-2009-2008-2007-2006), o Brasil volta às areias na manhã desta sexta-feira (21), às 10h30, para enfrentar a Rússia (bicampeã mundial em 2013-2011) em confronto válido pela primeira rodada do Mundialito de Cascais 2017. Com transmissão ao vivo do SporTV, a estreia brasileira no quadrangular será realizada na arena montada na praia de Carcavelos. A competição reúne, de maneira inédita, as quatro seleções campeãs da ‘Era FIFA’ – Portugal (2015) e França (2005) também participam. O Brasil, atual campeão, vai em busca da 12ª conquista na história do torneio (16/10/07/06/05/04/02/00/99/97/94).

– É uma competição de altíssimo nível, quatro campeões mundiais e muita rivalidade. Estamos vindo de uma sequência muito feliz de resultados, que culminou na conquista do pentacampeonato mundial, mas isso fica do lado de fora. Vamos para a quadra com a mesma postura, com o mesmo respeito aos nossos adversários, e temos três confrontos duríssimos pela frente. Vamos estrear contra a Rússia, uma das melhores e mais perigosas seleções do mundo, e temos que impor o nosso ritmo, buscando o gol e marcando forte, sempre com muita atenção – afirmou o atacante Mauricinho.

No retrospecto entre Brasil e Rússia, dez confrontos (três pela Copa do Mundo FIFA), com quatro vitórias verde-amarelas e seis triunfos russos. No último encontro, na Copa Intercontinental Dubai, em novembro do ano passado, goleada brasileira por 7 a 0 na semifinal.

Invicta há 35 partidas, a Seleção Brasileira teve a base do penta mantida, com apenas uma novidade: o potiguar José Lucas, que fez parte da campanha vitoriosa nas Eliminatórias Conmebol 2017, mas não disputou o Mundial do Caribe. Dos 12 atletas que estiveram nas Bahamas, não estarão em Cascais o defensor Daniel Zidane e os atacantes Lucão e Bokinha.

Nas Bahamas, o Brasil conquistou seu quinto título na ‘Era FIFA’, acumulando 14 conquistas mundiais, se considerado o eneacampeonato do extinto Campeonato Mundial (disputado até 2004). Foi também o 100º título da história da Seleção Brasileira e a equipe brilhou na cerimônia de premiação: Mauricinhho foi o ‘Bola de Prata’, Datinha ficou com a ‘Bola de Bronze’, Rodrigo recebeu a ‘Chuteira de Prata’ (9 gols) e o Brasil também recebeu o troféu ‘Fair Play’.

Desde que Gilberto Costa assumiu, o Brasil sagrou-se campeão nos sete torneios que disputou: Copa do Mundo 2017 (Nassau-Bahamas), Eliminatórias Conmebol 2017 (Assunção-Paraguai), Copa América 2016 (Santos-SP), Copa Intercontinental 2016 (Dubai-Emirados Árabes), Mundialito Brasil 2016 (Santos-SP), Mundialito Cascais 2016 (Cascais-Portugal) e Sul-Americano 2016 (Vitória-ES).

Abaixo a relação de convocados.
Goleiros – Mão (Braga-POR) e Rafael Padilha (Vasco da Gama-RJ)
Defensores – Catarino (Lokomotiv Moscou-RUS), Bruno Xavier (Catania-ITA), Filipe (Delta Sarasov-RUS) e Fernando DDI (Corinthians-SP)
Atacantes – Datinha (Kristall-RUS), Mauricinho (Lokomotiv Moscou-RUS), Rodrigo (Kristall-RUS) e José Lucas (Sambenetesse-ITA)

Tabela do Mundialito de Cascais:

21/7 – Primeira rodada
10h30 – BRASIL x Rússia 
12h – Portugal x França

22/7 – Segunda rodada
10h30 – BRASIL x França
12h – Portugal x Rússia

23/7 – Terceira rodada
10h30 – Rússia x França
12h – Portugal x BRASIL

*Horários de Brasília