O sucesso do Iranduba dentro de campo fez com que a dupla Djenifer e Kamilla chegasse à Seleção Brasileira. A primeira tem mais uma oportunidade, depois de enfrentar a Espanha e a Islândia em junho, e a segunda é uma das estreantes na lista da técnica Emily Lima para o amistoso contra a Alemanha nesta terça-feira (4).

O time amazonense tem feito uma belíssima campanha no Campeonato Brasileiro Feminino A-1. Na primeira fase, foram 12 vitórias e 21 gols de saldo em 14 jogos. Com os números, classificou-se para a segunda fase em segundo lugar – ficou atrás do Corinthians com 39 de saldo. Nas quartas, eliminou o Flamengo, atual campeão da competição. No jogo de ida da semi, perdeu para o Santos por 2 a 1 em casa – a partida de volta será dia 8 de julho, às 21h, na Vila Belmiro, em Santos.

Apesar da derrota por 2 a 1, o jogo foi um verdadeiro sucesso para as meninas do Hulk e para todos os fãs de futebol feminino no Brasil. O Iranduba levou mais de 25 mil pessoas à Arena da Amazônia. Os torcedores vibraram e apoiaram as jogadoras do início ao fim.

– O público de Manaus gosta muito de futebol feminino. Acho que, como não há uma equipe masculina nas primeiras divisões, eles nos abraçaram e torcem muito por nós. Além disso, o apoio da mídia é essencial. Em todos os nossos treinos têm equipes de imprensa para fazer a cobertura, e quase todos os dias estamos na TV e no jornal. Esse apoio é muito importante para a nossa modalidade – explicou Djenifer, capitã do Iranduba.